A melhor maneira de prever o futuro é criá-lo. Peter Drucker

A base para qualquer mudança é saber qual o caminho a seguir, e para isso, é preciso saber onde se está e onde se quer chegar.

No caso de sites e aplicativos móveis, usa-se um processo de análise chamado Web Analytics para saber onde se está.

Através desta análise digital é possível obter dados qualitativos e quantitativos do seu negócio e da concorrência, compreender o comportamento dos usuários e, portanto, ter uma orientação bem fundamentada sobre as mudanças necessárias para que haja uma melhoria contínua da experiência on line de seus clientes e clientes em potencial.

Um dos passos desta análise é identificar os resultados e os objetivos que espera com seu negócio e, então, definir uma forma de medir e monitorar estes pontos.

No mundo online, existem basicamente cinco naturezas de negócios e seus objetivos principais podem ser descritos como se segue (fonte: documentação do Google Analytics):

  • Para sites de comércio eletrônico, um objetivo óbvio é a venda de produtos ou serviços.
  • Para sites de geração de contatos, o objetivo é coletar informações do usuário para que equipes de vendas se conectem com clientes potenciais.
  • Para os editores de conteúdo, o objetivo é incentivar a participação e visitação freqüente.
  • Para sites informativos ou suporte on-line, ajudando os usuários a encontrar as informações que eles precisam no momento certo é de primordial importância.
  • Para a marca, o objetivo principal é gerar conscientização, compromisso e lealdade.

  Com uma configuração adequada, é possível associar ações-chave de seu site ou aplicativo móvel com objetivos do negócio e poder acompanhar, por exemplo, quando uma compra de um site de comercio eletrônico foi realizada. Estes eventos são chamados de macro conversões.

Outro tipo de conversão é a micro conversão que serve para conhecer o comportamento do cliente e, assim, saber se ele está chegando mais perto de realizar uma macro conversão. Assim, por exemplo, identifica-se quando um cliente se inscreve para receber novidades sobre um produto ou receber um cupom.

Desta maneira é possível entender melhor as experiências do cliente e realizar as mudanças que realmente impulsionem os resultados certos para seu site ou aplicativo.

Além de conversões, é possível medir dados como: visitas, visualizações de páginas, duração da visita no site, assinaturas, taxa de rejeição (bounce rate), sites de origem das visitas e muitos outros.

Quando usar o Web Analytics?

É preciso entender que o processo de análise de seu negócio on line é o responsável por fornecer as métricas de como está seu negócio.

Sem estas métricas, qualquer gerenciamento é ilusório, pois não seria possível medir o resultado de qualquer mudança no site e, por tanto, não daria para avaliar se o negócio está indo bem, se está indo mau, o que fazer para mudar, ou mesmo se as mudanças realizadas estão surtindo algum efeito.

Com isto em mente, é fácil entender que o Web Analytics é um processo de melhoria contínua e precisa estar presente em todo o ciclo de vida do seu site ou aplicativo móvel.

Startups e empresas que estão para lançar um novo produto ou serviço já podem realizar o planejamento de seu Web Analytics, o que influenciará o desenho do site ou do aplicativo móvel.

Por outro lado, se o site já está no ar, o Web Analytics é necessário para saber como está o negócio, se está tendo visitações, se suas campanhas estão surtindo efeito, se os visitantes estão encontrando as informações necessárias para chegar até as conversões, etc...

Em suma, se você tem um negócio on line, é bom estar com o Web Analytics em dia.

O que dá para saber com o Web Analytics?

1. O comportamento de quem usa seu site

Através de dados quantitativos e qualitativos é possível entender o comportamento dos usuários e atuar de modo dirigido em melhorias que levam para o aumento de qualidade do site/aplicativo móvel.

2. Identificar e medir tendências através de análises comparativas

Números soltos, como saber que houveram 7.972 visualizações de páginas no mês passado não é tão significante quanto saber que isso representa 35% de aumento em relação mês anterior. Este um dos grandes benefícios do Web Analytics.

3. Testar e validar premissas

Nós fazemos suposições todos os dias sobre como as pessoas usam nosso site e quais informações são mais valiosas.

Quantos redesenhos de sites foram guiados por suposições sobre as necessidades de conteúdo e objetivos do usuário!

Embora algumas dessas questões são melhor respondidas através de uma análise de conteúdo abrangente, o Web Analytics pode ajudar a validar ou refutar essas caras suposições.

4. Demonstrar como seu site atende as metas de negócio e as necessidades dos usuários

Os números, com certeza, ajudam. Melhor do que se utilizar de adivinhações do tipo “os usuários não vão preencher o formulário de 3 páginas”, é constatar que o formulário apresenta uma taxa de abandono de 78%!

5. Permitir que os partes interessadas e proprietários de conteúdo meçam o sucesso de seu próprio conteúdo

Muitas vezes o conteúdo do site é produto do esforço de vários envolvidos, sendo que há sempre um responsável ou proprietário que não é um expert em avaliar a performance deste conteúdo.

Com planejamento, o Web Analytics pode proporcionar às partes interessadas de conteúdo com métricas Web relevantes para avaliar o sucesso do seu conteúdo!

Também acho que quanto mais as pessoas estão cientes de como seu conteúdo está sendo usado, o mais provável é que mais se preocupem com sua manutenção.

Como usar o Web Analytics?

Antes de mais nada é necessário que os dados para a análise estejam a disposição. Isso pode ser feito através da configuração de ferramentas especializadas como o Google Analytics, Piwik e outros.

Embora a associação de um site a uma ferramenta de análise possa ser relativamente simples, a configuração das métricas, conversões, filtros e todo o ambiente da análise irá exigir um conhecimento mais profundo da ferramenta, conversas com os gerentes do negócio e até solicitações para a equipe de tecnologia que cuida do site.

Um alinhamento entre objetivos do negócio, tecnologia Web e a solução existente deve ser realizada para que as métricas realmente importantes sejam levantadas e monitoradas.

Por isso é recomendável que haja um auxílio profissional para esta configuração inicial e para o acompanhamento das primeiras análises.

Foto de Renato Carvalho
Sobre o Autor

Renato Carvalho é consultor em negócios Web com foco em Web Analytics, Usabilidade e Experiência do Usuário. Engenheiro, mestre em Sistemas Digitais, traz em sua bagagem experiências como Gerente de Produto Web, Gerente de TI, professor de cursos de graduação e pós-graduação em TI/Web, sistemas para Internet e modelagem de dados para Business Intelligence e Big Data.

Deixe um comentário